24 de nov de 2012

Nosso Lar navegando...

A cada semana, temos novidades sobre o filme. Acontece com todo filme que é bem sucedido - por dois a três anos depois de sua estréia, fala-se dele, comenta-se, convida-se, critica-se, ou seja, a história fica em evidência no imaginário do público e isso gera sempre novos fatos.

Usamos as redes sociais mais populares - Facebook e Twitter - para anunciar ao público sobre essas novidades. Um novo país comprou os direitos de exibição do filme? Logo compartilhamos. Um festival na Noruega convidou? Tudo que diz respeito à história de André Luiz no mundo ganha destaque e, certamente, nossa gratidão.

O mundo. Percebe-se a extensão disso quando há inúmeras versões legendadas rolando por aí - grego, italiano, espanhol, alemão, holandês, todos países cujos distribuidores não "apostaram" oficialmente, mas que cuidam para terem acesso ao conteúdo pelos caminhos excusos da rede social que nos conecta.

No Brasil, no entanto, essa exposição ilegal é combatida pela nossa equipe à medida do possível (uma medida muito pequena, diga-se de passagem). Mas buscamos, novamente, a conscientização do público pelo não consumo de pirataria.

Isto posto, lá vamos nós com mais países - Noruega, Finlândia - que exibirão Nosso Lar em breve. A estréia na Africa do Sul está um pouco atrasada - mas ela vai acontecer sim! E o filme deve seguir por outros países africanos de lingua inglesa e francesa - por conta das legendas. Em determinado momento, ficamos à mercê das informações e não temos o total controle dos caminhos percorridos por ele.

Normal, quando o produto é maior que todos. O filme é maior que seus realizadores sempre. Por isso, parece ter "vontades" próprias. Dialoga com o público sozinho agora. E continua navegando pelo mundo digital.

Por isso, e pelas próximas notícias - como a data exata da estréia na TV Globo, que será informada em breve, assim como as exibições na Fox Latino American e na Nat Geo HD - deixamos nossos mais profundos agradecimentos.